GSE

Versão portuguesa:

Escala de Autoeficácia Geral

Miguel Araújo & Octávio Moura (2011)

Versão original:

General Self-Efficacy (GSE)

Ralf Schwarzer & Matthias Jerusalem (1995)

Enquadramento

A GSE é um instrumento de autorrelato que avalia o sentimento geral de competência pessoal para lidar eficazmente perante uma variedade de situações stressantes.

Descrição

Domínio de avaliação: Avaliação Psicológica.
Tipo de instrumento: Instrumento de autorrelato.
Número de itens: 10 itens, resposta em escala tipo Likert com 4 alternativas de resposta (de “De modo nenhum é verdade” a “Exatamente verdade”).
Aplicação: Individual ou coletiva, 2-3 minutos.
População: Adolescentes e adultos.

Dimensões

A GSE é uma escala com uma estrutura fatorial unidimensional constituída por 10 itens que convergem na avaliação do constructo global de autoeficácia.

Estudos

A GSE possui estudos com jovens e adultos (estudantes, professores, enfermeiros, etc.) encontrando-se traduzida e adaptada para mais de 30 línguas.

Investigações futuras

A versão portuguesa da GSE pode ser utilizada na prática clínica e para fins de investigação. Há disponibilidade do PsyAssessmentLab para colaborar em projetos de investigação centrados neste instrumento.

Contactos

Octávio Moura (octaviomoura@gmail.com)

Bibliografia fundamental

  1. Araújo, M., & Moura, O. (2011). Estrutura factorial da General Self-Efficacy Scale (Escala de Auto-Eficácia Geral) numa amostra de professores Portugueses. Revista Laboratório de Psicologia, 9(1), 95-105.
  2. Schwarzer, R., & Jerusalem, M. (1995). Generalized self-efficacy scale. In J. Weinman, S. Wright & M. Johnston (Eds.), Measures in health psychology: A user’s portfolio (pp. 35-38). Windsor: NFER-Nelson.